Coisas que a pessoa pensa (6)

As mulheres são muito simples. Apenas querem ser incondicionalmente amadas todos os dias do ano. É isso que é complicado.

 

Sobre Pedro Bidarra

As pessoas vêm sempre de algum sítio. Eu vim dos Olivais-Sul, uma experiência arquitecto-sociológica que visava misturar todas as classes sociais para a elevação das mais baixas e que acabou por nos nivelar a todos pelo mais divertido. Venho também da Faculdade de Psicologia da clássica, Universidade Clássica de Lisboa onde li e estudei Psicologia Social e todas as suas mui práticas teorias. Venho do Instituto Gregoriano de Lisboa onde estudei os segredos da mais matemática, e por isso a mais emocional e intangível de todas as artes, a música. E venho sobretudo de casa: de casa das duas pessoas mais decentes que até hoje encontrei; e de casa dos amigos que me ajudaram a ser quem sou. Estes foram os sítios de onde parti. Como diz o poeta (eu): “Para onde vou não sei/ Mas vim aqui parar/ A este triste lugar.”
Esta entrada foi publicada em Escrita automática. ligação permanente.

5 respostas a Coisas que a pessoa pensa (6)

  1. fernando canhão diz:

    easy is to piss on the bath.

  2. Escrever é Triste diz:

    I beg your pardon, querido sobrinho, não percebi qual é que é a parte complicada…

  3. Astrid diz:

    Pelas suas palavras fiquei a saber a razão pela qual eu sou um tudo nada complicada…

  4. Pedro Bidarra diz:

    Faço sua a resposta que dei à tia

Os comentários estão fechados.