Cores de lápis

 

Num Verão meu

De cabeça perdida em Delos

Na Grécia perdi a cabeça.

Parece que não fui a única.

Mas nada de grave. Parece que as cabeças só servem para dar dores de cabeça.

Ao menos fiquei com o coração. Dizem que bem temperado é bom petisco.

(Ou isso é o atum?)

 

Sobre Teresa Conceição

Ainda estou a aprender esta terra de hieróglifos. Tenho na mala livros e remoinhos, mapas e cavalos guerreiros, lupas e lápis de cor: lentos decifradores. Sou nativa de Vadiar, terra-a-terra. Escrever? Ainda não descobri onde fica. Mas parto com bússola e farnel (desconfio que levo excesso de bagagem).
Esta entrada foi publicada em Post livre. ligação permanente.

11 respostas a Cores de lápis

  1. Rita V diz:

    arghhhhhhhhhhhhhh foi o som que o peixe fez antes de lhe arrancarem o coração
    ou teria sido Inês

  2. Teresa Conceição diz:

    Inês não era nenhuma cabeça de atum. Já Pedro…

  3. manuel s. fonseca diz:

    Se bem vejo, o que perdidamente vejo são duas cabeças perdidas!

  4. Teresa Conceição diz:

    Manel,
    mas olhe que não é nenhuma tragédia grega.

  5. Isso não sucederia em Nápoles, com a lua no mar, a cabeça ficava, o coração ia-se:

    • Teresa conceicao diz:

      Caro Taxi,
      Gosto tanto destes segredos que nos canta e conta aqui nos bastidores.
      Também tenho uma lua quase de Nápoles, sem coração e’ que e’ mais difícil dar com ela. Quando a encontrar trago-a.

  6. Panurgo diz:

    Deixa lá Teresa, que quando você passa a gente também perde a cabeça, o coração, o fígado, os rins, os meniscos…

    • Teresa conceicao diz:

      Caro Panurgo,
      O estrago que para aí vai, credo. Não perca tudo, que os órgãos estão pela hora da morte, e as doações sao sempre bem aceites.
      E guarde pelo menos as suas preciosas mãos para continuar a brindar-nos com a sua prosa. Que seria de no’s sem si.

  7. Carla L. diz:

    E na verdade o que é uma cabeça para alguém que ainda mantém o coração pulsando vibrantemente?

  8. Teresa conceicao diz:

    Nem mais, Carla.
    Também sou pelo coração. Pensa muito melhor:)

Os comentários estão fechados.