Lamúria

Esta lamúria suave, meio nostálgica e com dói-dói, não é só nossa. Até os ingleses, my dear friends. Eu sou um leitor reaccionário da reaccionária Spectator e é vê-los. Mais queirozianos e fadistas não se arranja.

Sobre Manuel S. Fonseca

O meu maior medo é que a morte seja tudo às escuras sem se poder ler. Pouco interessa deixar de ser humano, desde que não deixe de ser leitor. Ler é do mais feliz que tenho. Até porque escrever é triste.
Esta entrada foi publicada em Post livre. ligação permanente.

2 respostas a Lamúria

  1. GRocha diz:

    Amigo Manel, não podemos esquecer que levaram de cá “as costelas portuguesinhas” , pois que viveram tantos anos a explorar o Português, tanto a Norte como a Sul 🙂

    • Manuel S. Fonseca diz:

      Quer ver que colonizámos os ingleses! Pelo menos foi com uma senhora que para lá mandámos que aprenderam a beber chá. Bem visto.

Os comentários estão fechados.