Nos dias correntes

Ar puro – espaço entre a porta de casa e o automóvel.

Sobre Maria do Céu Brojo

No tempo das amoras rubras amadurecidas pelo estio, no granito sombreado pelos pinheiros, nuas de flores as giestas, sentada numa penedia, a miúda, em férias, lia. Alegre pelo silêncio e liberdade. No regresso ao abrigo vetusto, tristemente escrevia ou desenhava. Da alma, desbravava as janelas. Algumas faziam-se rogadas ao abrir dos pinchos; essas perseguia. Porque a intrigavam, desistir era verbo que não conjugava. Um toque, outro e muitos no crescer talvez oleassem dobradiças, os pinchos e, mais cedo do que tarde, delas fantasiava as escâncaras onde se debruçaria. Já mulher, das janelas ainda algumas restam com tranca obstinada. E, tristemente, escreve. E desenha e pinta. Nas teclas e nas telas, o óleo do tempo e dos pinceis debita cores improváveis sem que a mulher conjugue o verbo desistir. Respira o colorido das giestas, o aroma dos pinheiros nas letras desenhadas no branco, saboreia amoras colhidas nos silvedos, ilumina-a o brilho da mica encastoada no granito das penedias.
Esta entrada foi publicada em Escrita automática. ligação permanente.

20 respostas a Nos dias correntes

  1. Ar puro, só na lua… de Méliès:

    • Maria do Céu Brojo diz:

      Com a poeirada que por lá deve ir, não sei não.
      Já o Méliès – “Alquimista da luz” como bem o nomeou Charles Chaplin – surge puro e malabarista neste trabalho.

  2. GRocha diz:

    E entre a porta do carro e o trabalho, não?!?!? 😛

  3. Rita V diz:

    fiquei a pensar, se o ar é puro entre uma coisa e outra, como estaria o ar nos outros sítios …
    lol

    • Maria do Céu Brojo diz:

      Pejado de MP 2.5, digo. O material particulado (MP) tem duas classificações associadas a dois tamanhos de partículas e a graus distintos de risco da saúde.
      – Partículas menores do que 2.5 micrómetros de diâmetro (MP2.5). Invadem os alvéolos pulmonares.
      – Partículas menores do que 10 micrómetros de diâmetro (MP10). Pelas maiores dimensões, filtrado na respiração.
      Gostei de ter participado nesta investigação que obrigaria a Comunidade Europeia a desafiar lobbies e regulamentar os níveis de MP 2.5. admitidos.
      Poucos dão conta que cozer um alimento, grelhá-lo ou fritura em cozinha mal ventilada é equivalente a inspirar na hora de ponta na Avenida da República ou a fumar. Em suma: chama implica sobrecarga das MP 2.5 e respetivos danos.

  4. Panurgo diz:

    Ou/e a porta do shopping…

  5. Pedro Bidarra diz:

    Libelinhas e pirilampos só aparecem quando o ar é puro. Nunca mais as vi por aqui

  6. curioso (gafanhoto) diz:

    ela tem aquele ar… puro como um habano e os piri… lampos para todo o ano (rima)

  7. Manuel S. Fonseca diz:

    Bem visto, Maria, o segredo está no passo que se dá.

  8. Cuidado com as correntes de ar, levam-nos a lugares inimagináveis…

  9. curioso (com filtro) diz:

    talvez devesse trocar o maior por menor

    Definition and principle sources
    PM affects more people than any other pollutant. The major components of PM are sulfate, nitrates, ammonia, sodium chloride, carbon, mineral dust and water. It consists of a complex mixture of solid and liquid particles of organic and inorganic substances suspended in the air. The particles are identified according to their aerodynamic diameter, as either PM10 (particles with an aerodynamic diameter smaller than 10 µm) or PM2.5 (aerodynamic diameter smaller than 2.5 µm). The latter are more dangerous since, when inhaled, they may reach the peripheral regions of the bronchioles, and interfere with gas exchange inside the lungs.

    http://www.who.int/mediacentre/factsheets/fs313/en/

  10. curioso (particulado) diz:

    ainda só corrigiu metade… 😉

    chegando aos 70 já são fios de cabelo

  11. Maria do Céu Brojo diz:

    Já está. Esta minha leda cabecinha… Obrigada.

Os comentários estão fechados.