Verdade, verdadinha

Temos que ser importantes para nós próprios para não corrermos o risco de passar a vida a entregar o Ouro ao Bandido.

Sobre Rita Roquette de Vasconcellos

Apertava com molas da roupa, papel grosso ao quadro da bicicleta encarnada. Ouvia-se troc-troc-troc e imaginava-me a guiar uma mobylette a pedais enquanto as molas a passar nos aros não saltassem.
Era feliz a subir às árvores, a brincar aos índios e cowboys e a ler os 5 e os 7 da Enid Blyton.
Cresci a preferir desenhar a construir palavras porque… escrever é triste.

Esta entrada foi publicada em Escrita automática. ligação permanente.

13 respostas a Verdade, verdadinha

  1. curioso (ourado) diz:

    por todas as outras razões antes e talvez por essa depois, se tivermos Ouro, se houver Bandido, se tivermos Vida.

    OBVia Mente 😉

  2. Se formos “nós próprios” até o Bandido se comove.

  3. Se não for TODO O OURO:

  4. fernando canhão diz:

    Cara Arquitecta, os bandidos ao pé dos estupidos são uns santos.

    Se não conhece ainda, leia Cipolla, e meta um taco de baseball debaixo da cama.

    http://piensoparatodos.com/cosas/estupidez%20humana.pdf

    • ah! que bela oportunidade para lhe dizer que gostei imenso do seu texto sobre o Amor.
      Vou ler sim. A diferença entre o bandido e o estúpido é que um ainda nos surpreende – o outro nem por isso!
      😀

      • curioso (pre venido) diz:

        mas para isso é preciso estar prevenido e saber o suficiente (para se defender) dessas artes? 😉

        Hay dos cosas infinitas: el Universo y la estupidez humana. Y del Universo no estoy seguro. Albert Einstein

        Todos los cerebros del mundo son impotentes contra cualquier estupidez que esté de moda. Jean de La Fontaine

        Una mujer amablemente estúpida es una bendición del cielo.
        Voltaire

        Contra la estupidez, hasta los dioses luchan en vano.
        Johann Wolfgang Goethe

  5. Maria do Céu Brojo diz:

    Curto e assertivo. Estou nessa!

  6. nanovp diz:

    Rita sinto que muito do que perdi foi mesmo para o Bandido….! Tarde de mais a sugestão….

Os comentários estão fechados.