Before & After Zero

Lisboa estava acordada de Nascente a Poente Hora ZeroFestejou Fogo-de-artifícioe depois adormeceu … Adormeceu

Sobre Rita Roquette de Vasconcellos

Apertava com molas da roupa, papel grosso ao quadro da bicicleta encarnada. Ouvia-se troc-troc-troc e imaginava-me a guiar uma mobylette a pedais enquanto as molas a passar nos aros não saltassem. Era feliz a subir às árvores, a brincar aos índios e cowboys e a ler os 5 e os 7 da Enid Blyton. Cresci a preferir desenhar a construir palavras porque... escrever é triste.
Esta entrada foi publicada em Post livre. ligação permanente.

8 respostas a Before & After Zero

  1. Um bocado… escuro, para cidade, será necessário empobrecê-la para a qualidade de vila:

  2. Maria do Céu Brojo diz:

    Lindo! Embasbaquei.

    • Rita V diz:

      tive pena de não ter levado a parafernália do costume: tripé, máquina zero (risos) etc…roubei um iphone e prayed for the best.
      O resultado está à vista just for the record.
      Obrigada querida Céu!
      (O fogo de artifício a Nascente e a Sul foi muito melhor mas as bolhinhas e passas estragaram tudo)
      ah ah ah

  3. mónica diz:

    bem rezado, o filme tá giro!

  4. nanovp diz:

    Oh! “num bi nada !!!!!!!”

Os comentários estão fechados.