Coming to that*

 

 

“Eine Kleine Nacht¬mu¬sik”, 1943 Dorothea Tan¬ning (1910 2012) Óleo sobre tela. 407 x 610 mm The Tate Collection. Londres

“Eine Kleine Nachtmusik”, 1943
Dorothea Tanning (1910 2012)
Óleo sobre tela. 407 x 610 mm
The Tate Collection. Londres

 

Quando as coisas chegam a um determinado ponto, pensa-se como é que foi possível  terem as coisas chegado ao referido ponto. E é um pensamento superveniente  porque não tece nem fia e o pensamento não se quer nefelibático quando as coisas chegam a determinado ponto, mas acontece. É, aliás, o que acontece mais. A peça estava a correr mal. Já não lhe bastava o texto irrepresentável, ainda sobreviera  uma birra desmesurada à fada do jardim, a do casaco vermelho, por lhe ter o autor diminuído duas linhas no monólogo e assim terminar, Quando as coisas chegam a este ponto e depois  um silêncio encorpado. Por aí se prova que, muitas vezes, ainda que ao autor assista alguma razão, pode o encenador esbarrondar-lhe as intenções pelo palco abaixo. Silêncios encorpados pedem-se a actrizes de outro porte. Uma má escolha, como na vida quando vai uma pessoa flauteante e a pensar, ora bem,  para esta história vou um-dó-li-tá aquele ali e aqueloutro. E depois toca a esperar silêncios encorpados de quem não tem caixa torácica para isso. All the world’s a stage, lá está. E corre mal e vem o autor dizer-se incompreendido e encenador arrependido e não há palmas para ninguém.

E ainda falta o girassol, mas quando as coisas chegam a este ponto já ninguém quer saber para que lado gira o sol.

*verso de um poema de Dorothea Tanning

Sobre Ivone Mendes da Silva

Entre lobos e anjos me habituei a escrever. É talvez por isso que, para além de asas e de uivos, as palavras me tropecem e não encontrem sozinhas o caminho das folhas. Nessas alturas, peço para elas a bênção da tristeza, musa de sopro persistente, que triste me faz e a acolhedoras mesas me senta.
Esta entrada foi publicada em Museu das Curtas. ligação permanente.

9 respostas a Coming to that*

  1. Boa, num teatro e com actrizes furibundas, é bem pensado…

  2. curioso (birth day) diz:

    para mim, e para já, the best option 😉

    e obrigado por ter contribuído para chegar à biografia de Dorothea: uma rica senhora!

    « Dorothea Tanning died at her home in New York City on January 31, 2012. She was 101 years old, and had just published her second collection of poems, Coming to That »

  3. A coisa correu mal, está visto,mas…fiquei com tonturas por causa do nefelibático…

  4. Maria do Céu Brojo diz:

    Bem pensado, melhor explanado.

  5. nanovp diz:

    Erro de “casting”, o girassol?

Os comentários estão fechados.