Forma de esquecer

Gypsy with a cigarette, de Édouard Manet (The Art Museumm, Princeton University)

Gypsy with a cigarette, de Édouard Manet (The Art Museumm, Princeton University)

 

– Deu-lhe para copiar Manets a certa altura.

– Só Manets?

– Não, creio que não. Havia até por lá um Degas que a tua sobrinha Lúcia tentou provar que era verdadeiro. Lembras-te disso?

– Memória selectiva, minha cara. É o que me vale. Não fosse isso e aquela maldita família tinha dado comigo em doido. Esqueci-os e voltei a esquecer sempre que um deles vinha à tona chamar-me para jantares comuns ou celebrações conjuntas, funerais incluídos. Mas o que é que ele fazia aos quadros? Vendia-os?

– Alguns.

– E, claro, tinha consciência…

– Obviamente. De onde pensas que lhe vinha o gozo? Não era da pintura, era do ilícito. Lembras-te do Moura Alves? Andou anos a desembrulhá-lo dos processos em que se metia. O velhote, coitado, de cabeça perdida, e ele divertidíssimo. Enfim, um homem entediado é potencialmente perigoso.

– Uma mulher não?

– As mulheres não, claro que não. Soltam a imaginação e ninguém dá por nada. Os homens têm de mostrar: em rapazes andam com rãs na algibeira e soltam-nas  de repente no meio da sala, quando crescem estampam o carro do pai no portão da garagem. E toda a gente acha graça.

– Ora, muito gostas tu … mas e esse imenso tédio de onde lhe vinha?

– Oh, o tédio. Sabe lá alguém de onde lhe chega o tédio. Começa um dia, pela tarde, a meio de uma obrigação incumprida e fica pela alma como a hera na parede de uma casa, cada vez mais denso. O tédio pode corroer o temperamento, faz do sensato um cismático, se não for pior.

– Pois, então, o meu tio Vasco copiava quadros que traficava depois no submundo da arte. E esta cigana, a do cigarro nonchalant, foi a única que sobrou do afã pictórico com que ele espadeirava o tédio?

– Essa não é bem uma cópia.

– Como assim? É a cigana do Manet que está em Princeton.

– Não completamente. Vê-lhe o rosto.

– … sim …

– É a tua mãe, meu caro, foi sempre a tua mãe em todos os rostos femininos. E era assim que o Moura Alves o safava, ó Meritíssimo, creia Vexa que o meu constituinte só quis fazer um agrado à senhora sua cunhada, nunca teve intenção de fazer a pintura em causa passar pela obra original. Outros se aproveitaram disso, é certo, e nesse particular se fará a costumada justiça.

– Tu queres dizer…?

– Não quero dizer nada. Esquece-os. Usa a tua memória selectiva antes que te chegue o tédio.

(ai, António, deixar aqui um Manet que não lembra a ninguém e depois uma pessoa que dê tratos de polé à imaginação …)

 

Sobre Ivone Mendes da Silva

Entre lobos e anjos me habituei a escrever. É talvez por isso que, para além de asas e de uivos, as palavras me tropecem e não encontrem sozinhas o caminho das folhas. Nessas alturas, peço para elas a bênção da tristeza, musa de sopro persistente, que triste me faz e a acolhedoras mesas me senta.
Esta entrada foi publicada em Museu das Curtas. ligação permanente.

8 respostas a Forma de esquecer

  1. Ah! Mas safou-se muitíssimo bem!
    Nem imagina o que eu vou meter… Mas ainda está a levedar.
    (Também entra a Justiça, isso posso dizer…)

    • Ivone Mendes da Silva diz:

      Ora, ora, fiz o que pude. E agora fico à espera da sua cheia de curiosidade.

  2. nanovp diz:

    Será que em tempos de crise ainda haverá mercado para as falsificações Ivone? Como profissão poucas se lhe comparam….assustei-me com o tédio que chega um dia pela tarde e não nos larga mais….

    • Ivone Mendes da Silva diz:

      Não se assuste, que o Bernardo não é pessoa para apanhar um tédio destes.

  3. Manuel S. Fonseca diz:

    Ivone, tem a certeza de que esse tio Vasco não é um pseudónimo do António? É que este Manet, não sei não, se não o vi já numa certa casa do Porto…

    • Ivone Mendes da Silva diz:

      De todo, Manuel. Isto é que anda nesta casa uma mania de pseudónimos, heterónimos e afins … eu sei, eu sei que há mais coisas no céu e na terra, mas desta vez não.

  4. Maria do Céu Brojo diz:

    Que bem engendrado!

Os comentários estão fechados.