Postais de Mumbai: Mahalaxmi Dhobi Ghat

Mumbai. Março de 2013

Mumbai. Março de 2013

Mumbai. Março de 2013.

Mumbai. Março de 2013.

Mumbai. Março de 2013.

Mumbai. Março de 2013.

Mahalaxmi Dhobi Ghat é, garantem-me, a maior lavandaria ao ar livre do mundo. Por mim tanto se me dá como se me deu. Nunca vi uma maior e foi nesta que mergulhei. Duzentas famílias para quem o universo é um infinito labirinto de cimento, para quem o mundo é um formigueiro de roupa estendida, para quem a cidade é uma imensa babel de sabão e detergente.

 

Mumbai. Março de 2013.

Mumbai. Março de 2013.

Mumbai. Março de 2013

Mumbai. Março de 2013

Sobre Pedro Norton

Já vos confessei em tempos que tive a mais feliz de todas as infâncias. E se me disserem que isso não tem nada a ver com tristeza eu digo-vos que estão muito, mas muito, enganados. Sou forrado a nostalgia. Com umas camadas de mau feitio e uma queda para a neurose, concedo. Gosto de mortos, de saudades, de músicas que nunca foram gravadas, de livros desaparecidos e de filmes que poderiam ter sido. E de um bom silêncio de pai para filho. Não me chamem é simpático. Afino.

Esta entrada foi publicada em Post livre. ligação permanente.

11 respostas a Postais de Mumbai: Mahalaxmi Dhobi Ghat

  1. E o amigo taxista, encontraste-o?

  2. nanovp diz:

    Umas termas orientais, mas cheira bem, cheira a fresco….

  3. Henrique Monteiro diz:

    Sem desfazer, uma vez publiquei uma fotografia (não minha, que não sei fotografar, mas de um profissional da BlackStar) fenomenal sobre esta lavandaria. Eram duas páginas cheias de cor, em função da água tingida, que ficavam lindamente na Revista do Expresso. Aí há 20 ou mais anos..

    • E sem desfazer desta Revista, caro Henrique, que saudades dessa Revista.

      Gosto sempre quando se lembra de trazer as suas photos para aqui, Pedro. São narrativas: do todo que o seu olho vê, o que depois escolhe para ver e fixar, são histórias.

  4. Sofia S. diz:

    Boas imagens, saudades da India!

Os comentários estão fechados.