Barata Tonta

O que diz um nome vamos descobrir ao folhear o primeiro romance do nosso querido triste Pedro Bidarra. Não sei ainda se Rolando Teixo é o seu alter-ego mas rotinas, segredos e jardins são ingredientes mais do que suficientes para dar um pulo ao espaço do autor da livraria Bertrand.

PB

Apresentado hoje, por Clara Fereira Alves, concorre à distância de 500m do não menos interessante título do último livro da Maria José Costa Felix, «Envelhecer Sem Ficar Velho», que relata testemunhos de vida de pessoas, como nós, que conhecem os jardins, os segredos e a rotina da vida dando ‘lições’ sobre como crescer e ficar novo.
MJCF
Apresentado por Helena Sacadura Cabral, também ali ao Chiado, vai fazer de mim hoje uma verdadeira Barata Tonta.
.

Sobre Rita Roquette de Vasconcellos

Apertava com molas da roupa, papel grosso ao quadro da bicicleta encarnada. Ouvia-se troc-troc-troc e imaginava-me a guiar uma mobylette a pedais enquanto as molas a passar nos aros não saltassem.
Era feliz a subir às árvores, a brincar aos índios e cowboys e a ler os 5 e os 7 da Enid Blyton.
Cresci a preferir desenhar a construir palavras porque… escrever é triste.

Esta entrada foi publicada em Post livre com as tags . ligação permanente.

3 respostas a Barata Tonta

  1. Bruto da Silva diz:

    Envelhecer é crescer? E não ficar velho é ficar novo?

    Espelho meu… Espalho-m’eu 😉

  2. nanovp diz:

    OHHH…eu que estou sempre aqui no Chiado logo ontem estive longe…..

  3. Olinda diz:

    parabéns Pedro – adivinho-lhe delícias!

    (carago que só vi agora)

Os comentários estão fechados.