Dieta-DDV

Verde

 

 

 

Sobre Rita Roquette de Vasconcellos

Apertava com molas da roupa, papel grosso ao quadro da bicicleta encarnada. Ouvia-se troc-troc-troc e imaginava-me a guiar uma mobylette a pedais enquanto as molas a passar nos aros não saltassem. Era feliz a subir às árvores, a brincar aos índios e cowboys e a ler os 5 e os 7 da Enid Blyton. Cresci a preferir desenhar a construir palavras porque... escrever é triste.
Esta entrada foi publicada em Post livre com as tags , . ligação permanente.

19 respostas a Dieta-DDV

  1. Bruto d Silva diz:

    O azul e o encarnado (e o amarelo) ficam para os gurmeses 😉

  2. Manuel S. Fonseca diz:

    Rita, parece quase uma dieta audiovisual

  3. Olinda diz:

    mas isso não é um bocado, no caso da dúvida claro, programação neurolinguística da cor? 🙂

  4. Boa dieta é a tiro, tiro nas gorduras:

  5. Ou isso ou a gravidade takes it all:

  6. Maria do Céu Brojo diz:

    É o que faço, conquanto dietas não sejam comigo. Já as dúvidas… Bem!…

  7. nanovp diz:

    Muito sugestivo para dieta Rita…apetece comer….

  8. Lollipop5 diz:

    Depois que começamos a dieta quando fazemos uma refeição com a família dele, a mesa é repleta de carboidratos, coisa que nem antes era assim, propositalmente.
    Alguém também passou ou está passando por isso?

Os comentários estão fechados.