Agora que penso nisto…

Devo ser este Frank Sinatra. Ó. Et vous?

Sobre Eugénia de Vasconcellos

Escrever também é esta dor amantíssima: os lábios encostados à boca do silêncio, auscultando, e nada, esperando dele a luz que beije. É assim, pelas palavras se morre, pelas palavras se vive.

Esta entrada foi publicada em Post livre com as tags . ligação permanente.

Uma resposta a Agora que penso nisto…

  1. nanovp diz:

    That is life ….para cada um de forma diferente…para os reis e para os mendigos…e para os poetas claro…

Os comentários estão fechados.