A Melhor Receita de Sempre Para o Sucesso Cinematográfico

Em 1941, o inimitável argumentista e realizador Preston Sturges, um dos génios esquecidos do século passado, compilou uma lista das “11 Regras Para Triunfar nas Bilheteiras”. Aconselháveis a qualquer criador com falta de humildade – a quase todos os criadores portugueses, portanto -, aqui vão elas:

1 – Uma rapariga bonita é melhor do que uma rapariga feia.

2 – Uma perna é melhor do que um braço.

3 – Um quarto é melhor do que uma sala.

4 – Uma chegada é melhor do que uma partida.

5 – Um nascimento é melhor do que uma morte.

6 – Uma perseguição é melhor do que uma conversa.

7 – Um cão é melhor do que uma paisagem.

8 – Um gato é melhor do que um cão.

9 – Um bebé é melhor do que um gato.

10 – Um beijo é melhor do que um bebé.

11 – Uma piada física é melhor do que nada.

(em homenagem ao Nuno Rodrigues da Costa, que teve a amabilidade de me oferecer em 2014 a – obrigatória – biografia de Sturges; here’s looking at you, Nuno)

Sobre Pedro Marta Santos

Queria mesmo era ser o Rui Costa. Ou sonâmbulo profissional. Se não escrever, desapareço – é o que me paga as contas desde 1991 (são 20 anos de carreira, o disco está a sair). Há momentos em que gosto mais de filmes do que de pessoas, o que seria trágico se não fosse cómico – mas passa-me depressa. Também gosto dos olhos da Anna Calvi. E das bifanas do Vítor. Aprecio um brinde: “À confusão dos nossos inimigos”. Não tenho nenhuns, só uma ternura infinita pelo azul das árvores e o amarelo do mar. E peço: digam-me mentiras.
Esta entrada foi publicada em Post livre. ligação permanente.

Uma resposta a A Melhor Receita de Sempre Para o Sucesso Cinematográfico

  1. nanovp diz:

    Parece-me uma (bela) lista aconselhável a quase todos os cidadãos Pedro… “um beijo é melhor que um bébé” é filosofia no seu estado mais puro….

Os comentários estão fechados.