Dou-te a receita – e depois queixa-te…

Como-te! Mhmmm…

Sete menos vinte da manhã. O telemóvel toca desalmadamente. Mas quem é o raio do anti-cristo que liga antes das sete da manhã?!
Eu:
– Estava a dormir, maluca!
A alucinada da minha irmã:
– Pois eu também queria dormir e ficar na cama a preguiçar até os miúdos me saltarem para cima! Mas como já não acordo durante a noite e durmo como uma pedra no fundo do mar, às seis e meia da manhã o corpo grita-me por exercício – é pior do que a voz da consciência! Por culpa da tua alimentação. E tu não vens correr comigo. Portanto, levanta-te bandida.
Eu:
– Mas o meu relógio interno só toca entre as sete meia e as oito menos dez… Roubaste-me uma hora de sono, deitei-me tarde, vou ficar com duas cabeças. Vai comer cereais carregadinhos de açúcar, torradas e leite, e não me chateies.
A alucinada da minha irmã:
– Agora já não consigo comer os cereais. Arruinaste-me os cereais, as torradas e o leite. Olha lá, que vais fazer de pequeno almoço?
Eu:
– Talvez panquecas de banana com mel e framboesas.
A alucinada da minha irmã:
– Dá-me lá a receita…

Sobre Eugénia de Vasconcellos

Escrever também é esta dor amantíssima: os lábios encostados à boca do silêncio, auscultando, e nada, esperando dele a luz que beije. É assim, pelas palavras se morre, pelas palavras se vive.
Esta entrada foi publicada em Post livre com as tags . ligação permanente.

9 respostas a Dou-te a receita – e depois queixa-te…

  1. Mario diz:

    Tem tudo muito, mas muito bom aspecto…sao sempre assim os seus acordares? Sinto-me um caozinho de pavlov 🙂

  2. riVta diz:

    não comi não vou comer mas já estou a queixar-me … então isto faz-se?
    não sabe que eu só de olhar engordo?
    diacho!

  3. A. (Ou a Senhora A.) diz:

    Por que você me tortura tanto, Eugénia? 🙁
    Como se não bastasse a poesia, agora pan­que­cas de banana com mel e fram­bo­e­sas… 🙁
    Escrever é triste. Engordar também! 😀
    Mas AINDA BEM que aqui só se encontra framboesa por algum milagre… 😀

    • EV diz:

      Não engordará assim, Senhora A.! Não leva açúcar, não precisa, a banana é doce, e uma colher de chá de mel só faz bem, as framboesas são um bom alimento e pouco calórico, mas pode substituir por outro fruto ou nozes… Saudável, saciante, energético. Nos dias das excepções logo se peca por excesso. 😀

      • A. (Ou a Senhora A.) diz:

        Agora, quero mesmo a receita. 😀
        Eu peco por excesso todos os dias. 🙁
        Que diferença faz? 😀
        O importante é a felicidade (do estômago)! 😀

        • EV diz:

          Aqui tem, cara A.:

          1 banana
          2 ovos
          canela a gosto
          framboesas a gosto
          2 ou 3 nozes
          1 colher de chá de mel

          Bata a banana com os ovos na liquidificadora, ou com a varinha mágica, junte bastante canela (ou um quadrado de chocolate preto em raspas, ou o que gostar).

          Use uma frigideira anti-aderente para dispensar manteiga ou derreta só um bocadinho de manteiga ou de óleo de coco.

          Faça as panquecas (fará 3 panquecas pequeninas, fofas e húmidas). Sirva. Junte as framboesas, as nozes partidas, uma colher de chá de mel, esprema só um bocadinho de sumo de laranja por cima. Et voilà!

Os comentários estão fechados.