Pancho Guedes, 1925-2015

O Eduardo escreveu o obituário que eu gostava de ter escrito.

Faço parte daquele grupo que “nunca foi a moçambique mas estudou arquitectura…” e o texto do Eduardo refere o essencial.

A Casa da Eugaria, referida no blog do Eduardo Pitta.

Armando Pinto- Eugaria_PanchoGuedes

Foto gentilmente cedida por Armando Pinto

Sobre Rita Roquette de Vasconcellos

Apertava com molas da roupa, papel grosso ao quadro da bicicleta encarnada. Ouvia-se troc-troc-troc e imaginava-me a guiar uma mobylette a pedais enquanto as molas a passar nos aros não saltassem. Era feliz a subir às árvores, a brincar aos índios e cowboys e a ler os 5 e os 7 da Enid Blyton. Cresci a preferir desenhar a construir palavras porque... escrever é triste.
Esta entrada foi publicada em Post livre. ligação permanente.

4 respostas a Pancho Guedes, 1925-2015

  1. Armando Pinto diz:

    Eu sinto-me honrado por ter aqui a minha foto. Obrigado.

  2. nanovp diz:

    Uma grande perda…homem singular num mundo de replicas. Não o cheguei a conheçer bem, mas a voz fina , o olhar perspicaz e o enorme cuidado no uso das palavras ficarão sempre na memória.

  3. adelia nunes da fonseca riès diz:

    Desconhecia completamente. Comme quoi…… a morte…… Nao ha livros sobre a Obra? Peço que mOs recomende. Obrigada.

Os comentários estão fechados.