Arquivos Mensais: Agosto 2017

o sexo faz medo e o medo faz rir

O filme estreou em Março de 19192, escrevia eu crítica de cinema no Expresso, artigos na Marie Claire, apontamentos nas emissões do Sena Santos na Antena 1, além de coordenar as acções de descentralização da Cinemateca com sessões no Porto, … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 2 Comentários

50

  Não são cinquenta anos,  nem são as cinquenta formas de deixares o teu amante, como cantou Paul Simon. São antes as cinquenta melhores digressões musicais dos últimos cinquenta anos. A edição da revista Rolling Stone que apresenta esta lista … Continuar a ler

Publicado em Post livre | Comentários fechados em 50

Mas que descontrolada e incerta raiva

Escrevi esta prosa no extinto Semanário, dirigido por Victor Cunha Rego. Mais exactamente na “revista cultural” que integrava o jornal, chefiada pelo João Mendes, sendo meu editor (e mesmo que já não fosse, passa a ser) o meu amigo Matos … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 6 Comentários

Fechem os olhos

Quando és novo, atravessas os filmes de olhos abertos. Fui ver “Paterson”, de Jim Jarmusch. O título do filme tanto é o nome da cidade onde tudo se passa, como o nome do condutor de machimbombos que escreve versos num … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 8 Comentários

Índice Médio de Felicidade

“Um homem muda-se para o país onde o Índice de Felicidade humano é igual ao seu, começou ele. Encontrando-se rodeado por outras pessoas que são, pelo menos em média, felizes na mesma medida que ele, o homem sentir-se-á mais integrado … Continuar a ler

Publicado em Post livre | Comentários fechados em Índice Médio de Felicidade

Huckleberry Finn

Já tínhamos publicado o Tom Sawyer. Agora, até porque queríamos que Mark Twain aparecesse ao leitor com os dois braços, de braço esquerdo e braço direito, publicámos Huckleberry Finn. Ainda há dois meses tínhamos editado Moby Dick e é já em … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 2 Comentários

Se essa rua fosse minha…

  …De olhos arregalados de espanto se iria encher essa rua de vistas largas E a muitos se trocariam as voltas, antes de trocar as pernas Outros, hipnotizados, iriam admirar-lhe a delícia e delicadeza de pormenores. Talvez inventassem para ela … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 5 Comentários

Manhattan Diaries (I)

Publicado em Post livre | Comentários fechados em Manhattan Diaries (I)

Atitude

Eu sei que se tiver medo assusto-me com mais facilidade.

Publicado em Escrita automática | Tags | 3 Comentários

Jerry Lewis

Vou ser-te franco, Jerry, pensei que já tinhas morrido. Com a alarvidade do teu O Morto Era Outro, de 1969, vais responder-me que o meu problema é ainda ninguém se ter dado ao cuidado de me avisar de que bem … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 2 Comentários

O poder e os lírios do campo

Foi um beijo paz na Terra aos homens de boa vontade, mas ia caindo o Carmo e a Trindade. Quem me disse, na longínqua Luanda dos meus 12 anos, que numa noite dos Oscars a mediterrânica Anne Bancroft beijara o … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 2 Comentários

Crepúsculo (1)

  Milton Avery   Spring in the Mountains, 1960   Afinal não era isto. Não era nada disto, pensou. Sentiu uma comichão no pé, o ar seco irritava-lhe a pele. O sono fazia falta, por tudo e por nada resmungava. O … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 4 Comentários

Romance do fundilho das calças

Como é que os escritores escrevem? À mão? Ainda à velha máquina de escrever? No teclado de um portátil? Por ditafone? Eu sei como escrevia Agustina. Dos três livros de que fui editor, recebi rolos de papel com aquela letra … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 8 Comentários

respeita meu crespo

« todos estes estilos eram efémeros.  Desejei que se transformassem em obras de arte, fixando a sua passagem» Ojeikere , fotografo nigeriano  

Publicado em Post livre | 2 Comentários

O homem mais livre de Portugal

(Escrevi este texto no DN em Novembro de 2011. Volto a escrevê-lo hoje, que um  faccioso, racista e candidato o ameaçou de porrada) O João Quadros, escritor, humorista, guionista e twitterista é, provavelmente, o homem mais livre de Portugal. Não … Continuar a ler

Publicado em Post livre | 9 Comentários